Alice e Guilherme

SEJAM BEM-VINDOS AO NOSSO SITE
Alice e Guilherme

Nossa história

Conheça um pouco do nosso encontro pela narrativa dos melhores contadores de história: o mineiro e a baiana!

A versão da noiva:

É uma coisa estranha quando você sabe que encontrou alguém para a vida inteira. Ninguém entende a intensidade, ninguém entende a vontade de viver tanto em tão pouco tempo, mas você sente que aquele tempo curto é muito mais longo do que dizem por aí... e quem disse que o amor precisa de tempo, é porque não nos conheceu e não viu de perto o nosso amor, o nosso cuidado um com o outro, o nosso apoio e respeito, a nossa intensidade e a nossa leveza!

Quem me conhece a fundo sabe que, desde criança, eu sempre brincava dizendo que teria dois filhos: Beatriz e Guilherme. Contei isso a ele no dia em que nos conhecemos e fiquei pasma quando ele me disse que sempre quis ter uma filha que se chamasse Alice.

Nos conhecemos em meio a um Biergarten em 20/11/2016. Eu estava comemorando meu aniversário pelo terceiro dia seguido, acompanhada de uma amiga (nossa madrinha Lyz), e quem diria que ao sentar no banco para fazer um lanche rápido antes que começassem as bandas, cairia numa cantada besta que mudaria toda a minha vida: "coxinha ta boa, moça?" (rs...) E quem diria que o fato de eu ser tão desligada me faria acreditar que ele tinha me visto brigar com a banca de coxinhas minutos antes porque estavam geladas por dentro? Viu nada...Mineiro puxador de papo que só queria iniciar uma conversa e me levou pra viajar naquele dia sem que precisássemos sair do lugar, mostrou uma loucura que era parecida com a minha e não deu outra: nunca mais nos separamos depois dali! Fiquei encantada pelo mineiro que passou a festa inteira conversando comigo sobre tanta coisa em comum...sintonia única!

Na semana seguinte, já frequentávamos os ambientes sociais um do outro de mãos dadas, assumindo para quem quisesse ver que havia um amor nascendo ali. 15 dias depois ele já me acompanhava no casamento de uma amiga como se fôssemos um casal de longos anos!

Três meses depois, já namorando, decidimos viajar: o plano era Maceió, subir o nordeste, talvez, mas decidimos mudar tudo e ir ao Chile, à Argentina e ao Uruguai, porque éramos e somos intensamente malucos o suficiente para programar uma viagem dessas às pressas e partir um mês depois! Nossa viagem foi incrível, ele sempre tão cuidadoso, tão especial no seu jeito de viver cada momento, de me mostrar cada canto que visitávamos, meu melhor professor de vinhos! Dali em diante, foi oficial: achei meu parceiro viajante de vida! Viver com ele é uma eterna viagem intensa, cheia de altos e baixos, nunca em linha reta, porque a nossa rotina é a mudança constante e adoramos isso! Amo essa aventura que é a nossa vida!

Descobri que meu Guilherme era na verdade o maior e melhor parceiro, melhor marido que Deus poderia ter colocado na minha vida, um homem lindo e de coração enorme preparado para mim, colocado na minha vida para me fazer sentir a mulher mais amada e bem tratada do mundo!  Ele é minha paz, meu equilíbrio, meu porto seguro, meu amor "lindo tão lindo" como costumo dizer pra ele!

Quase dois anos depois, após um noivado surpresa do nosso jeito, lindo e engraçado, depois de realizar nosso maior sonho em comum (morar em outro país), estamos decididos a dizer na presença de Deus e dos nossos amigos que nos encontramos enfim e que, sim: é pra sempre!

 

A versão do noivo:

Eu sempre brinquei que se tivesse uma filha ela se chamaria Alice, isso foi uma das várias coisas que contei pra ela no dia que nos conhecemos. 

Conversamos muito nesse dia, mas ela não parecia muito interessada na conversa, ou estava se fazendo de difícil, até eu meio que despretensiosamente soltar essa: “é porque cheguei de viagem ontem, estava na Suíça”. Aqueles olhos verdes lindos se viraram pra mim com um brilho que soube que agora sim tinha um assunto pra prender a atenção dessa baiana linda! Foi quando percebemos nossa primeira grande paixão em comum: viajar! 

E não foi a primeira vez que o brilho dos seus olhos me encantou naquele dia. Horas antes estava eu sentado tomando a primeira cerveja quando ela senta do meu lado com uma porção de coxinhas. 

Estava sem fazer nada, resolvi puxar conversa: “a coxinha tá boa?”, ela foi me contar toda a história da coxinha gelada.. enfim.. devo confessar que mal lembro dessa conversa.. desculpa, amor! 

Na verdade, tomei um susto, quando, com todo seu charme, ela resolveu tirar os óculos e olhar pra mim de canto de olho, só pra conferir se eu estava prestando atenção nela. E como eu estava! Meu Deus! Os olhos mais lindos que já vi na vida! 

Tamanho era o seu charme que logo em seguida ela levantou e saiu dali. Mal sabia ela que nunca mais iríamos nos separar depois daquela conversa sobre a coxinha gelada.

Era um domingo, e ficamos juntos até o final da festa. Nos vimos de novo na terça, na quarta, na quinta, e assim foi! Não nos separamos mais. 

Não demorou muito estávamos namorando, três meses depois que nos conhecemos fizemos nossa primeira viagem juntos, mais alguns meses depois me mudei pra perto dela, e daí pra ficarmos juntos em definitivo não demorou, mas é uma daquelas coisas que aconteceu com tanta naturalidade que nem percebemos. Antes mesmo do nosso primeiro ano juntos estávamos noivos, e quando parecia que toda essa intensidade estava se tornando calmaria, surge o maior passo de nossas vidas. Resolvemos seguir um grande sonho que descobrimos ter em comum, a maior viagem de todas: viver em outro país! 

Queremos compartilhar com nossas famílias e amigos esse nosso amor louco, intenso, aventureiro e leve, que nos trouxe pra essa nova aventura de viver na Holanda!

Acabei descobrindo que a minha Alice é na verdade minha esposa, meu amor, minha grande parceira, a mulher mais linda que já conheci! O Guilherme encontrou sua Alice, a Alice encontrou seu Guilherme! E sabemos que tantas coincidências não podiam nos levar a nada diferente que uma vida juntos, pelo mundo, com muita cumplicidade e amor, que só a gente sabe explicar nesse nosso jeito meio louco de ser.

 

Abaixo filmagens amadoras e aleatórias organizadas pelo nossos próprios celulares! Pensamos duas vezes antes de publica-las, mas amamos essa esponeidade! hahahahah...Divirtam-se conhecendo nosso amor leve e gostoso e uma grande parte de uma das viagens mais lindas que já fizemos.